Mas afinal,o que é Fisioterapia Pélvica?


Olá a todos que continuam na nossa jornada em busca de uma sexualidade saudável!!!!

Para quem não ficou sabendo,semana passada teve live no insta do blog( me acompanha lá também,é só seguir @papoindiscreto), sobre Fisioterapia Pélvica.Por isso, resolvi falar por aqui um pouquinho sobre o mesmo assunto.

O que é Fisioterapia Pélvica?

Muitos de vocês já devem ter ouvido falar em Fisioterapia Urológica ou Uro-ginecológica, ou pelo menos ouvido falar que a tem que fazer Fisioterapia para Incontinência Urinária.

Então, Fisioterapia Pélvica é um pouco mais do que isso, tratamos desordens não só urológicas mas também proctológicas, sexuais e gestacionais porém diferente da Fisioterapia Uro-ginecológica onde o tratamento é direcionado as mulheres, atendemos homens ( urologia, proctologia e sexual), mulheres ( urologia, proctologia, sexual e gestação) e crianças ( urologia e proctologia).

Para ficar mais claro para vocês como que uma ou um Fisioterapeuta Pélvico pode auxiliar vocês, vou explicar cada área da nossa atuação.

Na parte da Urologia tratamos as desordens músculo- esqueléticas envolvidas com a micção. Então se você perde urina aos esforços sejam eles pequenos ou grandes,se você vais poucas vezes ao banheiro ou se vai muitas vezes ao banheiro:você precisa passar por uma avaliação da(o) Urologista e do(a) Fisioterapeuta Pélvico(a).

Mas como que uma Fisioterapeuta Pélvica pode auxiliar nestas disfunções?

Todo fisioterapeuta trata músculos que de alguma forma estejam trabalhando de forma disfuncional, no assoalho pélvico, que é um conjunto de músculos e ligamentos, localizado entre o púbis e o cóccix responsáveis por sustentar as vísceras( bexiga, útero e reto) não é diferente.

É através da Fisioterapia Pélvica que conseguimos detectar se seus músculos estão hiperativos e por isso você tem perda de urina, ou detectar que falta a co-contração, reflexo importante para proteção do assoalho pélvico e quando ausente pode ser motivo da sua perda de urina.

E na Fisioterapia Pélvica também que conseguimos fazer um diário miccional, avaliação que detecta se você ingere pouco líquido, muito líquido, líquidos não saudáveis, líquidos saudáveis e a que hora você toma, e com isso entender porque você vai poucas vezes ao banheiro.

E por último, conseguimos enxergar quando a sua ansiedade, o seu medo ou a crise que você está passando pode estar contribuindo para o seu diagnóstico de bexiga hiperativa, por exemplo.

No caso das crianças conseguimos auxiliar nos desfralde, momento as vezes muito difícil para os pais e que as vezes falta informação, perda de urina pela noite ou constipação.Nestes casos usa-se muita terapia comportamental, pois grande partes das causas dessas queixas são de fundo emocional, e tratamento físico não invasivo.

Como podem perceber são muitas as formas em um(a) Fisioterapeuta Pélvico(a) pode auxiliar.

Até o próximo encontro!

Escrito por: Aline Vieira da Rocha

Fisioterapeuta…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *